.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 20 de junho de 2017

-Tira primeiro a trave do teu próprio olho-José Salviano

26 de Junho de 2017
Cor: Verde
Evangelho - Mt 7,1-5


Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
1'Não julgueis, e não sereis julgados.
2Pois, vós sereis julgados
com o mesmo julgamento com que julgardes;
e sereis medidos, com a mesma medida com que medirdes.
3Por que observas o cisco no olho do teu irmão,
e não prestas atenção à trave que está no teu próprio olho?
4Ou, como podes dizer ao teu irmão:
'deixa-me tirar o cisco do teu olho',
quando tu mesmo tens uma trave no teu?
5Hipócrita, tira primeiro a trave do teu próprio olho,
e então enxergarás bem
para tirar o cisco do olho do teu irmão.
Palavra da Salvação.(CNBB).

Jesus nos mostra hoje por meio deste Evangelho, que geralmente os nossos defeitos pode ser até maiores que os defeitos daquelas ou daqueles aos quais impingimos severas críticas.
Quando criticamos negativamente uma pessoa, estamos querendo dizer com essa nossa atitude, que somos bem melhores do que ela, ou mesmo perfeitos, capazes de corrigir a todos. Que bobagem!
Na verdade isso não passa de uma demonstração de fraqueza da nossa parte, pois no fundo, estamos é com inveja da pessoa a qual colocamos muitos defeitos. 
É assim que funciona a nossa miséria humana, o nosso psiquismo. Infelizmente!
E gostamos de fazer isso, para impressionar os amigos e amigas na rodinha da fofoca, na festa ao ver alguém chegando, lá no bar, no encontro dos alterocopistas, (levantadores de copos) e assim por diante.

Somos especialistas em julgar pessoas, e fatos. Principalmente com a desculpa de que estamos agindo em nome do Evangelho, em nome da verdade, e da justiça. É preciso tomar muito cuidado com nossas atitudes a esse respeito, para que não corramos o risco de nos condenar. Pois, na  verdade nos esquecemos sempre que também somos humanos, e cheios de defeitos. E partimos para o julgamento das pessoas, como se fôssemos juízes universais, como se tivéssemos o direito de condenar as pessoas que estão fazendo coisas erradas.
           
Com a intenção de nos mostrar como perfeitos aos olhos dos demais, muitas vezes concentramos as nossas energias, as nossas conversas em redor do mesmo assunto. Criticar, e  apontar defeitos, com a desculpa de que estamos buscando a correção, em prol de uma administração adequada. 
           
É verdade que Jesus nos ensinou a combater as injustiças, é verdade que precisamos corrigir os erros das pessoas, mas precisamos arrumar um jeito de fazer tudo isso como Jesus o fez. Com muita caridade. Lembrando sempre que  amigo é aquele que vê os nossos defeitos, cita-os para nos corrigir fraternalmente e em seguida nos perdoa.   

Assim como o  limiar da justiça e da vingança , o limite entre o bem e o mal ,  polícia e bandido, estão próximos, a distância entre defender a justiça e julgar com nossos próprios conceitos, é apenas um pulo. Não podemos nos esquecer que também somos seres imperfeitos que cometemos erros uns atrás dos outros, e que não somos melhores que ninguém.
 "Tira primeiro a trave do teu próprio olho, e então enxergarás bem para tirar o cisco do olho do teu irmão."

Falar mal por falar mal, para nos mostrar melhor, perfeitos, e superiores, não é uma atitude de cristão, mas sim, pelo contrário, estamos mostrando a nossa fraqueza, nossa frustração, nossa inveja, numa atitude de competição desleal, numa atitude de quem não tem competência de ser melhor, e para compensar essa deficiência, procura desvalorizar os demais, principalmente aqueles que são do  mesmo nível que nós.

Cuidado! Quem nos escuta falar mal de uma pessoa pode pensar: ele ou ela também será capaz de falar mal de mim para as pessoas.

Vamos administrar, combater as injustiças e  corrigir fraternalmente, mas não nos esqueçamos da caridade!



Tenha um bom dia. José Salviano

Um comentário:

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário