.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 27 de junho de 2017

-Jesus fez muitas curas-José Salviano

1 de Julho de 2017
Cor: Verde
Evangelho - Mt 8,5-17

Naquele tempo:
5Quando Jesus entrou em Cafarnaum,
um oficial romano aproximou-se dele, suplicando:
6'Senhor, o meu empregado está de cama, lá em casa,
sofrendo terrivelmente com uma paralisia.'
7Jesus respondeu: 'Vou curá-lo.'
8O oficial disse: 'Senhor,
eu não sou digno de que entres em minha casa.
Dize uma só palavra e o meu empregado ficará curado.
9Pois eu também sou subordinado
e tenho soldados debaixo de minhas ordens.
E digo a um : 'Vai!', e ele vai;
e a outro: 'Vem!', e ele vem;
e digo ao meu escravo: 'Faze isto!', e ele faz.'
10Quando ouviu isso, Jesus ficou admirado,
e disse aos que o seguiam:
'Em verdade, vos digo:
nunca encontrei em Israel alguém que tivesse tanta fé.
11Eu vos digo:
muitos virão do Oriente e do Ocidente,
e se sentarão à mesa no Reino dos Céus,
junto com Abraão, Isaac e Jacó,
12enquanto os herdeiros do Reino
serão jogados para fora, nas trevas,
onde haverá choro e ranger de dentes.'
13Então, Jesus disse ao oficial:
'Vai! e seja feito como tu creste.'
E naquela mesma hora o empregado ficou curado.
14Entrando Jesus na casa de Pedro,
viu a sogra dele deitada e com febre.
15Tocou-lhe a mão, e a febre a deixou.
Ela se levantou, e pôs-se a servi-lo.
16Quando caiu a tarde, levaram a Jesus
muitas pessoas possuídas pelo demônio.
Ele expulsou os espíritos, com sua palavra,
e curou todos os doentes,
17para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta Isaías:
'Ele tomou as nossas dores
e carregou as nossas enfermidades.'
Palavra da Salvação.(CNBB).

Jesus após curar à distância o empregado do oficial romano, continuou as suas andanças, fazendo milagres e curando muitas pessoas.
Quando caiu a tarde, levaram a Jesus muitas pessoas possuídas pelo demônio.  Ele expulsou os espíritos, com sua palavra,  e curou todos os doentes, para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta Isaías:
Ele tomou as nossas dores e carregou as nossas enfermidades.
Jesus se compadecia dos que sofriam, dos que não tinham para que recorrer, numa prova do seu imenso amor por nós.
Nós somos cristãos, e cristão são todos aqueles que seguem a Cristo,  aqueles e aquelas que copiam o seu modo de vida, que praticam os seus ensinamentos.
Portanto, meus irmãos e minhas irmãs, vamos ajudar os que sofrem os que estão doentes, os idosos, pois nós também vamos ficar idosos e doentes um dia.
Quem realmente tem fé de verdade, consegue ver Jesus presente em sua vida, nos momentos difíceis. E nos momentos de alegrias.  Só não vemos Jesus nos momentos em que o traímos, em que fazemos o mal, nos momentos em que pecamos.
Jesus está do nosso lado o dia todo, nos orientando, nos guiando, falando conosco por meio de pessoas e de acontecimentos. Só precisamos prestar mais atenção em tudo o que nos acontece.
Imitar Jesus é disponibilizar aos irmãos e irmãs, a solidariedade, a caridade, o acolhimento, como se fôssemos extensões dos braços de Jesus na Terra. Aliás, Jesus age no mundo por meio de nós, os seus escolhidos.
Neste evangelho vamos rever vários milagres realizados por Cristo, começando pelo servo do centurião o qual demonstra muita confiança no poder de Jesus, afirmando que Ele não precisava ir até a sua casa para realizar o milagre que ele pedia. Jesus até se dispôs a ir. "Disse-lhe Jesus: Eu irei e o curarei." Porém, o centurião se julgava indigno da sua visita, porque ele era um dominador romano, e o povo poderia se revoltar se o Mestre o visitasse.
Também somos sempre indignos da visita de Cristo à nossa casa, a nossa alma. Somos também indignos de receber as graças que ousamos pedir-lhe todos os dias. É por isso que devemos preceder aos nossos pedidos, um pedido de perdão.
E Jesus fica admirado com a fé daquele homem. "Ouvindo isto, cheio de admiração, disse Jesus aos presentes: Em verdade vos digo: não encontrei semelhante fé em ninguém de Israel."   Jesus mais uma vez demonstra sua indignação pela incredulidade dos líderes judaicos, e afirma que pessoas outras de outros lugares irão para o reino do céu, enquanto que os descendentes do próprio povo de Deus, pela sua indiferença ao Filho de Deus, irão para o inferno. E aqui, Jesus também faz referência ao Fogo Eterno. Tem gente que diz. O inferno é aqui mesmo nesta vida. Isso nada mais é que uma grande evasiva para se livrar, ou se desculpar por não procurar Deus através da Sua Igreja.
"Por isso, eu vos declaro que multidões virão do Oriente e do Ocidente e se assentarão no Reino dos céus com Abraão, Isaac e Jacó, enquanto os filhos do Reino serão lançados nas trevas exteriores, onde haverá choro e ranger de dentes".
E Jesus realiza aquela cura à distância, mesmo antes da invenção do controle remoto. Então, dirigindo-se ao centurião, disse: Vai, seja-te feito conforme a tua fé. Na mesma hora o servo ficou curado."
  

Tenha um bom dia. José Salviano

Um comentário:

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário