.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

quinta-feira, 6 de julho de 2017

“SEGUE-ME!” Olivia Coutinho.

 

Dia 07 de Julho de 2017

 

Evangelho de Mt9,9-13

 

Onde impera o individualismo, a cultura do descarte, são muitos os excluídos do convívio social, pessoas doentes da alma, que só precisam de se sentirem amadas, para mudar de vida!

E quantos de nós, que dizemos seguidores de Jesus, ao invés de ajudar estas pessoas, a endireitarem suas vidas, contribuímos para que elas se percam ainda mais, com a nossa indiferença, com o nosso preconceito!

Temos a tendência de julgar o outro pela a aparência, pelo o tipo de trabalho que ele exerce, pelos os lugares que ele frequenta, e assim vamos descartando pessoas sem conhecer o seu interior. 

Ao contrário de nós, Jesus, enxerga a “pessoa” e não o seu pecado. Para Jesus, estar em pecado, é estar doente e o que um doente necessita, é de um médico, e não, de um juiz! E todos nós, assim como Jesus, podemos nos tornar médicos de almas para alguém, basta amá-lo concretamente, pois o amor cura, o amor restaura, salva o que parece perdido!

A todo instante, somos chamados a fazer parte do Reino de Deus, enganamos, quando pensamos que Jesus só chama os que são vistos como justos, os que já estão no caminho. O chamado de Jesus é extensivo a todos, Jesus não faz restrições de pessoas, tanto Ele chama os bons, quanto aos que ainda não são bons!

No evangelho que a liturgia de hoje nos convida a refletir, podemos perceber isso claramente. Ao chamar um pecador publico, ou seja, alguém conhecido pelas as suas práticas ilícitas, Jesus nos mostra, que o que vale para Ele, é a resposta que se dá ao seu chamado, o que a pessoa se dispõe a ser, a partir do encontro com Ele! É evidente, que no coração de quem aceita o chamado de Jesus, já houve transformação, afinal, ninguém aceita o seu chamado sem estar disposto a mudar de vida! 

“Jesus viu um "homem" sentado na coletoria de impostos, e disse-lhe:” "Segue-me”! Jesus enxergou um “homem” chamado Mateus, um filho de Deus e não o seu pecado! E Mateus, por sua vez, ao ser convidado a deixar tudo para seguir Jesus, não hesita em abandonar a sua vida errante, para aderir ao projeto de Deus, proposto por Jesus!

Como os cobradores de impostos, eram vistos como pecadores,  impuros, os fariseus se escandalizam, quando Jesus chama Mateus para segui-Lo, e mais escandalizados ficaram, quando viram Jesus sentado à mesa com ele e com os demais cobradores de impostos.

Ao sentar à mesa com os cobradores de impostos, pessoas vistas como impuras, pecadores, Jesus mostra, que o que é decisivo, não é o cumprimento rigoroso de leis, de normas, e sim, o de  estar disposto a mudar de vida, a aceitar a sua proposta de vida nova, como fez Mateus. 

A resposta decisiva e imediata de Mateus deve ser também a nossa resposta ao chamado de Jesus! Não podemos hesitar pedir tempo para responder o seu chamado, como muitos de nós fazemos por não conseguirmos abrir mãos dos nossos apegos.

Jesus tem várias formas de nos chamar a fazer parte do seu Reino, e nós, deveríamos ter uma só forma de responder ao seu chamado: “Eis me aqui Senhor”!

 

FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho

Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

Um comentário:

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençoe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.

Postar um comentário