.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

segunda-feira, 31 de julho de 2017

"QUEM TEM OUVIDOS OUÇA.”- Olivia Coutinho






Dia 01 de Agosto de 2017

Evangelho de Mt13,36-43


Deus criou um mundo perfeito, mas o mal, disfarçado do bem, encontrou brecha no coração humano e assim como o joio no meio do trigal, ameaçou destruir o que Deus criou. Mas Deus, na sua infinita bondade, não desistiu da sua criação, enviou o seu Filho para recuperar  o que Ele criou!
Através de pequenas histórias, conhecidas como parábolas, Jesus o enviado de Deus, passava a sua a mensagem salvífica, que só era entendida, por aqueles   que  estavam  com o coração aberto  para  acolhê-la.  E assim, Ele começou a trazer de volta o que o mal tentou tirar de Deus, o que lhe é de mais precioso: o povo! Foi essa  luta contra o mal, que o levou a cruz.
No evangelho  de hoje,  Jesus explica aos discípulos, a parábola do joio. Uma explicação,  que deve chegar até a nós, como um alerta,  para que não sejamos ingênuos de achar, que o mal esteja somente no outro e  em ambientes de  promiscuidade. Precisamos estar sempre vigilantes,  pois o mal  está presente em todo o lugar que existe o bem, até mesmo  em ambientes religiosos, inclusive dentro de nós.
A parábola, explicada por Jesus, vem nos dizer, que neste mundo, o bem e o mal estão misturados, nós  é que  precisamos discernir o que é do bem e o que é do mal. 
O joio, na faze de crescimento, é semelhante ao trigo, podendo confundir  até mesmo o agricultor, a diferença só é percebida, no tempo da colheita. Assim é o mal, o mal aproxima de nós, disfarçado do bem, às vezes, nós só vamos perceber  o tamanho da sua malignidade depois do estrago provocado por ele, na nossa vida, como, nos afastar de Deus.
Na parábola do Joio, temos a confirmação de que o mal existe e que ele tem poder, e que só Deus, é mais forte do que ele. Por tanto, é importante estarmos sempre fortalecidos em Deus, pois Nele,  conseguiremos vencer o inimigo!
O mal e o bem estão constantemente confrontando dentro de nós, somos nós que escolhemos qual dos dois queremos cultivar.
Não é arrancando  o mal daqui ou dali, (joio) que vamos erradicá-lo, a única forma eficaz de combater o mal, é com a força do bem!  É alimentando o bem que Deus plantou nos nossos corações, que aniquilamos  o mal, foi o que Jesus fez, Ele venceu o mal com o bem.
 Quando o mal encontra espaço dentro de nós, é sinal de que não estamos alimentando  o bem que Deus plantou em nossos corações! 
Uma erva daninha, não  irá se sobressair em meios as plantas bem adubadas(trigo). É assim que  acontece com o mal em nós: se alimentarmos o bem que existe no nosso interior, o mal jamais  ganhará  força em nós.
Estejamos certos: O mal nunca sobreporá  o bem se estivermos fortalecidos pelo o Espírito Santo, enxertados em Jesus.

FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

2 comentários:

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençoe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário