.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Rezemos pelas vocações-Alexandre Soledade

05-        Sábado -Evangelho - Lc 9,28b-36



Bom dia!
“(…) Pedro e os seus companheiros estavam dormindo profundamente…”. Sinceramente é a primeira vez que me atento a esse versículo. Mas o que ele fez para chamar a minha atenção. Duas coisas:
Primeira…
Estamos caminhando para o dia dos pais, mas ainda vivendo a semana que comemoramos o dia do sacerdote. Como não trazer esse versículo a uma realidade tão próxima: Quantos “Pedros” estão por ai, ao nosso redor, dormindo profundamente? Quantos estão, e não sabem, rodeados ou cercados da graça, mas nuvens de medo e descompromisso os fazem perder de vista o reino?
Falo de Jovens, adultos, senhores (as) de idade que sentem profundamente o chamado ao serviço missionário ou até mesmo sacerdotal em suas vidas, mas não conseguem ter a devida coragem para lançar-se?
Lembro-me da minha juventude, e minha esposa bem sabe disso, que se não fosse o chamado concreto ao matrimônio, eu estaria engajado numa comunidade de vida ou numa expedição do tipo “ médicos sem fronteiras”, Aquela música do Nelsinho Correa que dizia “eu sou impulsionado, a desbravar o novo mundo” me motivava por demais a acreditar que era isso que Deus queria pra mim. Não foi, mas Ele sabe que eu iria!
Quantos por ai, Deus também sabe, mas ainda não despertaram? Jesus transfigura-se a sua frente, mas como Pedro, sugerem ficar onde é seguro, tranqüilo, onde tem domínio da situação (….). Relendo então a passagem de hoje, rogo a Deus que consigam acordar a tempo de vê-lo e contemplar de mais perto, pois além dos nossos muros, nossas comunidades, nossas paróquias, dioceses, Deus se revela, ou se transfigura na imagem de Irmãos e irmãs que precisam de nós.
Segunda…
“(…) Eram Moisés e Elias, que estavam cercados por um brilho celestial. ELES FALAVAM COM JESUS A RESPEITO DA MORTE QUE, DE ACORDO COM A VONTADE DE DEUS, ELE IA SOFRER EM JERUSALÉM”
Jesus, onisciente de tantas coisas, parecia desconhecer, algo propositalmente prescrito pelo Pai, do que ainda iria lhe acontecer. Deus sabia do sentimento humano que habitava em seu coração poupando-o até o momento este que lhe fosse revelado. Este fato não é novo, pois quando questionado sobre seu retorno, dizia que isso APENAS o Pai saberia dizer.
“(…) Em verdade vos declaro: não passará esta geração antes que tudo isto aconteça. O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão. QUANTO ÀQUELE DIA E ÀQUELA HORA, NINGUÉM O SABE, NEM MESMO OS ANJOS DO CÉU, MAS SOMENTE O PAI”. (Mateus 24, 34-36)
Esse método ou pedagogia divina permitia que Jesus não ficasse preso a planejamento ou a planos futuros, pois como APENAS o Pai saberia a hora, procurava aproveitar ao máximo a companhia das pessoas. Assim também o vocacionado evita traçar planos para poder se dedicar ao que foi chamado: as pessoas
Nós, homens e mulheres, amamos fazer planos do que seremos e o que gostaríamos de ter, prova é o quanto gostamos de fazer crediários em lojas, cartões de crédito… Amamos planejar férias, festas, eventos, (…), mas paramos pouco para deixar que Deus nos faça uma proposta.
“(…) Finalmente, pela undécima hora, encontrou ainda outros na praça e perguntou-lhes: – Por que estais todo o dia sem fazer nada? Eles responderam: – É porque ninguém nos contratou. Disse-lhes ele, então: – Ide vós também para minha vinha“. (Mateus 20, 6-7)
Como hoje, algo me chamou atenção, será que algo chamou também a sua?
Rezemos para que Deus ilumine as vocações!
Um imenso abraço fraterno!



Um comentário:

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário