.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

"BENDITA ÉS TU ENTRE AS MULHERES..." – Olivia Coutinho


 
21º DOMINGO DO TEMPO COMUM
 
ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA – SOLENIDADE
 
Dia 21 de Agosto de 2016
 
Evangelho de Lc1,39-56
 
              Com muita alegria, celebramos hoje, a solenidade da Assunção de Nossa Senhora! É importante não confundirmos assunção, com ascensão, a "assunção" é de Nossa Senhora, vem nos  falar que a Mãe de Jesus foi “levada” ao céu, ela não subiu por si mesma e sim, pelo poder de Deus! Enquanto que a "ascensão" é de  Jesus, vem nos falar da sua subida ao céu, Ele sim, sendo Deus, subiu ao céu pelo seu próprio poder.
A solenidade de hoje, nos convida a refletir, sobre o sentido da nossa vida, o para “quê” viemos ao mundo e como devemos conduzir a nossa vida. Maria, com o seu exemplo, nos ensina que só alcançaremos a nossa realização plena, se nos deixarmos conduzir pelo o seu Filho, realizando a vontade de Deus. Ela, mais do que ninguém, realizou a vontade de Deus, abrindo mão de todos os seus projetos pessoais para viver o projeto de Deus!
O evangelho que a liturgia desta solenidade nos convida a refletir, nos apresenta  Maria como modelo de vida cristã, um modelo que deve ser seguido por cada um de nós! Nossa vida, se pautada no seu exemplo, com certeza, será uma vida frutuosa!
Assim que recebera o anuncio, de que ela seria a mãe de Jesus, Maria ficou sabendo também da gravidez de sua prima Isabel. Movida pelo o amor ao próximo, ela não pensa mais em si, pensa primeiro, em Isabel, uma mulher de idade avançada que certamente precisaria de ajuda! Sem hesitar, ela  se põe à caminho, indo ao auxílio da prima! Com este gesto abnegado, Maria nos dá um grande exemplo de solidariedade, nos mostrando, que o amor é mais do que sentimento, muito mais do que palavras, o amor é gesto concreto, é decisão de ir ao encontro do outro, de inteirar-se de suas necessidades para poder ajudá-lo!
Subindo montanhas, carregando  Jesus em seu ventre, Maria se torna a primeira discípula de Jesus,  a primeira missionária do Pai a levar Jesus ao outro!
A narrativa nos fala ainda, de dois encontros marcantes, o encontro de duas mães: Maria e Isabel, uma se alegrando com a alegria da outra, e juntas agradecendo a Deus pelo dom da fecundidade, mostrando-nos que o poder de Deus é infinito!
No  encontro destas duas  mães, acontece também, o encontro de duas crianças que estavam sendo geradas  no ventre destas duas mulheres distintas, no ventre da jovenzinha de Nazaré, estava sendo gestado Jesus e no ventre antes estéril  de Isabel, joão Batista! Foi  um encontro invisível, porém sentido por estas crianças! "Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança pulou no seu ventre.(Lc1, 41." 
"Bem aventurada aquela que acreditou, porque será cumprido, o que o Senhor prometeu." Ao ouvir estas palavras de sua prima Isabel, Maria, diz: " A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, porque olhou para a humildade de sua serva..." É o canto do MAGNIFICAT, quando Maria expressa de modo transbordante a sua gratidão pela imensidão de maravilhas que Deus realizou em sua vida! Realizações, que Ela reconhecia não serem somente em seu favor, mas em favor de todos, uma vez que, pelo o Filho que ela carregava no ventre, a salvação entraria na humanidade! O canto do MAGNIFICAT, é um canto de amor e de humildade, nele, Maria reconhece o poder, a majestade do Senhor e se submete humildemente à sua vontade, proclamando-se bem aventurada!
Com Maria, aprendemos que a humildade nos aproxima da perfeição e que ao dizermos "sim" a Deus, Ele nos transforma em “grandes” mesmo dentro da nossa pequinês!
Podemos também, assim como Maria, louvar a Deus, dizendo: A minha alma engrandece o Senhor, porque olhou para a humildade de seu servo ( a) “ O Todo Poderoso fez grandes coisas em meu favor...”
Ao se entregar inteiramente à serviço de Deus, Maria participou ativamente da história da salvação enfrentando todos os desafios, desde a concepção de Jesus, até a sua morte de cruz! E mesmo com o coração transpassado de dor, ela manteve-se de pé aos pés da cruz! 
O papel desempenhado por Maria na encarnação e na morte de Jesus, nos deixa um grande exemplo de mulher forte, de alguém que ama, que não se deixa abater pelo sofrimento, porque confia poder e na misericórdia de Deus!
Com o testemunho de Maria, aprendemos a sermos inteiros no amor, a dar passos ao encontro de Jesus, indo  ao encontro do outro!
Que nossos corações sejam iluminados com a luz da bondade que iluminou o coração de Maria, a grande defensora dos pobres e sofredores!
"Deus cativou Maria e ela se deixou cativar por Ele!" 
Com o seu "sim" Maria colocou o Filho de Deus no meu, no seu coração!
FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

3 comentários:

Anônimo disse...

Eu quero te dar os meus parabéns pelo lindo trabalho , como eu te admiro suas palavras sabias . que jesus te abençõe .

Anônimo disse...

LOUVADO SEJA NOSSO DEUS PELA VIDA E SABEDORIA DE OLIVIA COUTINHO! OBRIGADA MINHA QUERIDA!NÃO IMAGINAS COMO ILUMINAS MINHA MENTE E CORAÇÃO COM SUAS SÁBIAS PALAVRAS QUE ADOÇAM MINHA VIDA E A DOS QUE ESTÃO AO MEU LADO. PAZ E BEM.

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário