.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

domingo, 14 de agosto de 2016

“SE TU QUERES ENTRAR NA VIDA, OBSERVA OS MANDAMENTOS.”-Olívia Coutinho

 
Dia 15 de Agosto de 2016
 
Evangelho de Mt19,16-22
 
Vivemos numa cultura em que tudo gira em torno das coisas materiais, causa, do vazio existencial de muitas pessoas que apegadas a seus  bens materiais, vão distanciando de Deus,  perdendo  o senso do amor, do valor da fé...
Se não ficarmos atentos quanto as nossas escolhas, corremos o risco de nos contaminar por esta mentalidade do mundo e acabar nos distanciando de Deus!
Jesus, com o seu exemplo, nos convida a darmos  um sentido novo à nossa existência, a abrir mão dos nossos apegos para adquirirmos um tesouro no céu!
A vida de quem faz esta escolha, ganha um novo sentido, novos horizontes se abrem diante daquele que não se deixa corromper pelas trapaças do mundo!
É aqui na terra, que construímos a nossa morada no céu, construção esta, que chega a ser desafiadora, porque implica em renuncias, em desapegos, em caminhar na contramão do mundo!
O evangelho que a liturgia de hoje nos convida a refletir, nos adverte sobre o perigo da riqueza, da riqueza,  quando não partilhada! A riqueza quando não partilhada, distancia o homem de Deus, cega-o diante os verdadeiros valores!
O texto nos fala do encontro de um jovem rico com Jesus, de  um encontro, que tinha tudo para ser marcante e definitivo na vida daquele jovem se não fosse a força do fascínio da riqueza que o puxou para trás, impedindo-o de usufruir da riqueza maior que é fazer parte do reino de Deus!
“Se tu queres ser perfeito, vai, vende tudo que tens dá o dinheiro aos pobres e terás um tesouro no céu.”
A narrativa nos diz,  que ao ouvir estas palavras de Jesus  o jovem encheu-se de tristeza, porque era muito rico. Como muitos,  aquele jovem,  esteve as portas da verdadeira felicidade, mas a deixou escapar, por não conseguir desapegar-se dos bens matérias!
É importante conscientizarmos, de que Jesus não condena a riqueza em si, o que Ele condena, é o apego, o apego é o grande abismo entre o homem e Deus! O apego distancia o humano do humano e consequentemente, o humano de Deus!
Abrir mão dos nossos apegos, é a uma  condição para que possamos conquistar um tesouro no céu.
A nossa verdadeira riqueza,  é Jesus, Ele é o nosso verdadeiro tesouro, o presente de Deus, Aquele, que pagou com o seu sangue, o preço da nossa liberdade! Preservar esta liberdade conquistada por Ele, é reconhecer a imensidão do seu amor, é dar a Ele uma resposta de amor!
Quem não se apega aos bens terrenos , investe nos bens celestes, este, é um rico que preserva o coração pobre!

FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

Um comentário:

Mariano Silveira disse...

DEUS te ilumine e te proteja.

Postar um comentário