.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 8 de novembro de 2016

--A conversão de Zaqueu-José Salviano

15 de Novembro de 2016-AnoC
Evangelho - Lc 19,1-10

--A conversão de Zaqueu-José Salviano

Zaqueu era chefe dos cobradores de impostos e muito rico. E porque? Os cobradores de impostos para os romanos invasores, recebiam uma comissão para fazer aquele trabalho. Digamos que você seja um corretor de imóveis. Um amigo seu tem um apartamento para vender. Então ele combina a venda com você, dizendo o seguinte: Quero duzentos mil por este imóvel. O que você conseguir a mais, é seu. Aí você com sua lábia de vendedor, consegue vender por duzentos e trinta mil. O que na verdade, foi um preço extorsivo. Então você lucrou trinta mil.
            Os cobradores de impostos aumentavam a tacha dos mesmos, para ficar com mais dinheiro de comissão. Por isso, e por serem colaboradores do Império Romano, eles eram muito odiados pela população.   
            No fundo, Zaqueu era bom menino, e reconhecia o quanto ele era errado. Além disso, ele possuía uma fortuna mas no fundo  não era feliz com isso. Era um dinheiro injusto!
            Zaqueu que já ouvira falar de Jesus, na verdade se identificava com os ensinamentos do Mestre. E foi assim que naquele dia em que Jesus ia passando junto com uma multidão, ele, Zaqueu, teve a curiosidade de conhecer Jesus de perto. Mas como era bem baixinho, teve a idéia de subir em uma árvore para conseguir.
            E para a sua surpresa e alegria, Jesus o avisa que vai almoçar em sua casa. E mais que depressa ele desceu da figueira e recebeu Jesus com muita alegria em sua rica residência.
            Isso foi motivo de escândalo para todos que diziam: 'Ele foi hospedar-se na casa de um pecador!'
            Zaqueu muito comovido, diante de toda aquela situação na presença de Jesus, sentiu-se arrependimento por sua riqueza ilegal, e então disse: 'Senhor, eu dou a metade dos meus bens aos pobres, e se defraudei alguém, vou devolver quatro vezes mais.'
Ele era um bom homem que aceitou a visita de Jesus em sua vida, e então decidiu reparar todo o mal que havia feito, e mudar de vida. E foi por isso que Jesus disse: "Hoje a salvação entrou nesta casa..."
            Quantos Zaqueus hoje existem por esse mundo afora! Zaqueus que lesam os cofres públicos, que roubam descaradamente o dinheiro do povo, e nunca se dão mal!  E é exatamente pelo rombo que eles causam nas finanças do país, que não sobra dinheiro para a educação, para a habitação dos pobres,  para a saúde, transporte entre outras prioridades da administração pública. São os zaqueus de hoje, que deveria ser os primeiros a dar o bom exemplo de honestidade para todos, que se enriquecem às custas do dinheiro público.  São esses Zaqueus que precisam se converterem! Precisam se arrepender do mal que têm feito, devolver o dinheiro dos pobres, e mudarem de vida.
            É por causa desses Zaqueus atuais que os favelados se revoltam, e botam fogo nas vias públicas, e se sentem também no direito de roubar para sobreviver.
            Mas o Filho de Deus que veio procurar e salvar o que estava perdido, está vendo tudo isso  e nos aguarda para o acerto de contas no dia do juízo final.  Meu irmã, minha irmã. Se você é um desses Zaqueus, é hora de parar para pensar. Esta vida não termina aqui não. Ela continua em sua segunda parte, que pode ser no Reino dos Céus, ou no inferno! E você já decidiu para onde quer ir?
            O Evangelho de hoje nos mostra o que devemos fazer para atingir a conversão. Jesus está sempre batendo a nossa porta para se hospedar em nossa vida. Mas como nem sempre estamos decididos a largar a vida errada que temos, não acolhemos o Filho de Deus, e nem nos convertemos.
            Desejamos que você seja um Zaqueu arrependido, e mude de idéia. Então Jesus entra na sua vida e você passará a experimentar  os verdadeiros valores que nos fazem felizes: Honestidade, fraternidade, amor a Deus e ao próximo. Desse modo procurando viver o amor de Deus, praticando o bem e reparando o mal que praticou, você passará a fazer parte daqueles escolhidos para um dia trilhar o caminho da Vida Eterna! Vai lá, meu irmão, minha irmã. Ainda é tempo!
José Salviano


Tenha um bom dia. José Salviano

Um comentário:

José Efigênio Pinto disse...

José Salviano; Belas reflexões. DEUS os abençoe.

Postar um comentário