.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 31 de maio de 2016

Conceito de felicidade-Helena Serpa

06/06/2016 - 2ª feira – X semana do tempo comum - 1 Reis 17, 1-6 – “o Senhor  também nos chama a ir para o oriente ”
Em obediência às ordens de Deus Elias partiu em direção ao oriente para junto da torrente de Carit  onde encontrou a água para matar a sua sede e os corvos que lhe serviram de alimento e saciaram a sua fome. Quando na nossa vida também não cai chuva, nem mesmo o orvalho e nós nos sentimos fracos e sem esperança, o Senhor  também nos chama a ir para o oriente e seguir Suas orientações a fim de encontrar a torrente que é o Seu amor se derramando sobre nós pelo Espírito Santo. Assim como fez com Elias Ele também nos chama a aproximarmo-nos Dele para tomarmos a direção do “oriente”, isto é, uma nova rota, um novo modo de ação, uma nova vida. Perto da torrente nós encontraremos comida e bebida para matar a nossa fome e a nossa sede espiritual. Mesmo que ao redor de nós não estejamos encontrando o que comer nem beber, mesmo que as perspectivas sejam as mais negras, nós podemos confiar que indo para o “oriente” nós estaremos salvos, pois assim o Senhor nos garante. Precisamos apenas obedecer às ordens do Senhor e isto significa confiar na Sua misericórdia, no Seu chamado, na Sua ação poderosa. Porém, a ação do Senhor na nossa vida, mudará a nossa sorte e, também, os nossos planos e nem sempre aceitamos essas mudanças. Deus é o Senhor do céu e da terra, portanto, se confiarmos no Senhor não precisaremos ficar preocupados porque “comeremos pão e carne trazidos pelos corvos e beberemos da torrente”.  A graça que nos sustenta vem do Espírito de Deus.
– Você quer se aproximar também desta torrente do Senhor, mesmo sabendo que muita coisa mudará na sua vida? – Você ainda tem água e alimento suficientes para a sua caminhada espiritual? – Onde você está buscando isso? -  Como o Senhor tem o (a) alimentado?

Salmo 120 – “Do Senhor é que me vem o meu socorro, do Senhor que fez o céu e a terra!”
Levantar os olhos para os montes é colocar a nossa atenção e a nossa esperança voltados para dentro do nosso coração e, então, encontrar Aquele que nos vigia, que nos guarda e protege. O salmista é quem afirma com convicção que o Senhor nos guarda na partida e na chegada. É Ele quem cuida da nossa vida e só a Ele devemos pedir socorro. Temos, então, tomar consciência desta realidade: não estamos sós, o Senhor vigia os nossos passos e atende ao nosso pedido de socorro bastando somente que levantemos os olhos para Ele. O Senhor fez o céu e a terra!


Evangelho – Mateus 5, 1-12 – “ Conceito de felicidade”
Diante dos ensinamentos de Jesus podemos avaliar se estamos sentindo a sua manifestação na nossa vida. Na medida em que vivemos as bem-aventuranças nós podemos aferir a obra que Deus está fazendo no nosso coração e, consequentemente, nas nossas ações e no nosso viver como um todo. Ser bem aventurado é ser feliz! O conceito de felicidade que o mundo prega é completamente diferente da felicidade que Deus planejou para a nossa vida. Ser pobre, aflito, manso, faminto, misericordioso, puro de coração, promotor da paz, perseguido, insultado, na concepção humana é, na realidade, uma infelicidade. Porém, se nos aprofundarmos na sabedoria de Deus, o Espírito nos convencerá de que tudo isso é inerente à nossa condição humana. Ao nos reconhecermos completamente dependentes da misericórdia do nosso Pai, então, todas essas dificuldades transformam-se em ocasiões para que experimentemos o Seu Amor infinito, e aí então, seremos realmente felizes. A nossa felicidade aqui na terra está condicionada à nossa experiência pessoal com o Amor de Deus. Nesse caso, todas as ocasiões em que somos mais provados são justamente os momentos em que mais temos a amostra da   ação de Deus na nossa vida. Portanto, para avaliar se somos tudo isto a que se refere o Evangelho, precisamos verificar se sentimos o reino dos céus, se nos sentimos consolados, se temos bons relacionamentos, se buscamos a santidade, se estamos provando da misericórdia, se temos comunhão com Deus, se nos consideramos filhos de Deus, se estamos sendo perseguidos, se vivemos alegres apesar das humilhações e dificuldades do reino. - Você é bem aventurado (a)? – O que falta para você viver das bem-aventuranças? – Você confia que Deus o (a) alimentará e sempre matará a sua sede de justiça? Você sabia que quem persegue a justiça, tem sede de fazer o bem, deseja que o outro melhore também? Que justo é que todos sejam bons? -  Como tem sido o seu relacionamento com as pessoas. Você é capaz de conquistá-las com mansidão




Um comentário:

José Maria Nascimento disse...

Obrigado!!!

Postar um comentário