.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

quinta-feira, 31 de maio de 2018

JESUS É O SENHOR DO DOMINGO – Maria de Lourdes Cury Macedo.



Domingo, 3 de junho de 2018.
Evangelho de Mc 2,23-3,6.

Os judeus exageravam no cumprimento da Lei. Não davam importância ao espírito da lei. A obrigação de guardar o descanso em dia de sábado e de se abster de todo trabalho nesse dia, estava frequentemente nos conflitos entre Jesus e seus adversários. A lei de Moisés proibia trabalhar em dia de sábado com o fim de dar aos homens alívio em seus trabalhos diários e lhes facilitar a participação no culto público devido a Deus. Mas os escribas, por um rigor excessivo na interpretação desta lei, haviam convertido a observância do sábado em um peso insuportável.
Os fariseus baseados em suas tradições, cheias de exageros, acusavam Jesus de violar o descanso do sábado, porque seus discípulos apanharam espigas em dia de sábado. A acusação dos fariseus era por violar o sábado. Não era permitido trabalhar no sábado, dia do descanso e apanhar espigas era um trabalho.
Jesus respondeu aos fariseus dando o exemplo do Rei Davi e seus companheiros que comeram os pães da proposição, pois estavam famintos, só os sacerdotes podiam comer esses pães. Jesus mostra que há ocasiões em que uma necessidade superior pode dispensar de certas determinações.
O descanso do sábado foi instituído em benefício do homem para proporcionar ao espírito ocasião de cuidar das coisas de Deus e para dar o indispensável repouso ao corpo. Não é justo por isso, que o homem vá passar fome por causa do sábado.
Jesus quer nos ensinar a colocar o amor, a caridade acima de toda Lei em todas as nossas atitudes da nossa vida. Somos muito apegados aos preceitos, às regras e não percebemos que estamos sendo injustos e descumpridores da Lei de Deus, que é o amor. A Lei foi feita para servir o homem e não o homem à lei. Deus imprimiu no nosso coração a lei do amor, o que nos faz mal e nos prejudica é o desamor. Todas as ações do homem que não são conduzidos pelo amor, não servem para o crescimento do ser humano. Toda lei que tira do homem o direito de viver com dignidade, de prover a sua existência e sobrevivência não é abençoada e não está conforme a vontade de Deus.
Tudo o que Deus criou foi para o bem do ser humano. O homem é seu filho, a quem Deus mais tem zelo, amor, cuidado e todas as coisas foram criadas para ele, por amor, para suprir todas as suas necessidades. Jesus é o Senhor de tudo o que foi criado, e, tudo foi criado por Ele, por amor ao homem.
Tudo que Deus criou as plantações de trigo, grãos, frutos, raízes, os animais, a água, mares, as árvores existem para estar à disposição do homem a fim de que o homem sinta o cuidado, o olhar, o zelo, a atenção de Deus por cada ser humano que Ele ama com amor eterno.
É necessário que observemos a lei de Deus e da Igreja, mas junto com a observância da lei devemos ter espírito de caridade.
Jesus nos ensina não julgarmos apressadamente as ações dos outros. A bondade ou malícia das ações externas depende principalmente da intenção com que são feitas. Não conhecemos a intenção! Se nos deixamos guiar pelas aparências, podemos faltar com a caridade. E a caridade é a virtude básica do cristianismo. É melhor que nos deixemos guiar pela misericórdia e que tenhamos caridade com o nosso próximo ao invés de fazermos julgamentos maldosos baseado nas aparências e nos tornarmos ferrenhos na observância externa da lei como os fariseus.
Para nós hoje cristãos seguidores de Jesus, o nosso sábado é o domingo, vamos santificá-lo, amá-lo. Jesus é o nosso “Senhor” dos domingos?

Abraços em Cristo
Maria de Lourdes






Um comentário:

Anônimo disse...

Eu, Jair Ferreira da cidade de Cruz das Almas - Ba todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo.

Postar um comentário