.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

EXALTAÇÃO DA SANTA CRUZ. – Olivia Coutinho

 
Dia 14 de Setembro de 2016
 
Evangelho de Jo3,13-17
 
Celebramos hoje, a exaltação da Santa Cruz!
O gesto de exaltar a Cruz, para muitos, pode parecer contraditório, afinal, como é possível exaltar um objeto que serviu de tortura contra Jesus, um inocente?
Mas para quem vive a ressurreição de Jesus, celebrar a exaltação da Santa Cruz, é celebrar a vida, é celebrar a vitória de Jesus que é também a nossa vitória! 
Quem vê a cruz como sinal de morte, não vive a ressurreição de Jesus!
A cruz é a expressão suprema do amor de Deus, ela não pode ser vista como sinal de morte e sim, como  sinal de vida, pois foi pela cruz, que Jesus nos devolveu a vida!
Para nós cristãos católicos, a Cruz é o maior símbolo de fé, ela nos faz lembrar o martírio de Jesus, mas a mensagem mais forte que a cruz nos traz, é a vitória da vida sobre a morte!
Todos nós, uns mais outros menos, temos medo da cruz, a cruz nos assusta, nunca estamos preparados para recebê-la, mas não tem como fugir dela, pois ela a é inevitável no nosso caminho!
Se sentirmos a nossa cruz muito pesada, a ponto de não aguentarmos carregá-la, é sinal de que ainda não estamos caminhando com Jesus, pois quem caminha com Jesus, não sente tão grande o peso da sua cruz, pois tem Jesus para ajudá-lo a carregá-la!
O evangelho que a liturgia  de hoje nos apresenta, chama a nossa atenção sobre a passagem da morte para a vida, das trevas para a luz, do pecado para a graça!
Num diálogo com Nicodemos, Jesus fala da sua crucificação: “É preciso que o Filho do homem seja levantado”... Esta é a revelação da sua entrega total de vida pelo resgate da humanidade.
Naquele momento, no horizonte próximo de Jesus, estava apenas à cruz, Jesus estava ciente de que Ele seria levantado na cruz por aqueles que não quiseram reconhecê-lo como o Filho de Deus, mas Ele, estava ciente também, de que na cruz, seria manifestada Nele a glória de Deus!
 A parte central do texto, é o amor incondicional de Deus Pai pela humanidade! A luz esteve presente no mundo e o mundo a rejeitou e mesmo assim, o Pai investiu alto no humano, chegando ao extremo de permitir que o seu Filho morresse para salvar a humanidade corrompida pelo pecado!
É importante entendermos, que a morte de Jesus, não foi da vontade de Deus, a morte de Jesus, foi consequência da sua obediência ao Pai no compromisso de levar adiante o seu projeto de vida plena! Como sabemos, a maldade humana matou Jesus, mas não matou o sonho de Deus que o ressuscitou no terceiro dia!
As palavras de Jesus que nos fora apresentada hoje nos provocam a uma tomada de posição: Estar com Ele na cruz em favor da vida, ou permanecer nas trevas, em favor da morte?
Temos a liberdade de escolher: podemos escolher em dar a Jesus uma resposta de fé, ou de descrença! A fé e descrença, já contêm o juízo de Deus: salvação, ou condenação.
É importante conscientizarmos, de que a condenação não vem de Deus, nós, é que nos condenamos, quando não cremos em Jesus, quando não colocamos em prática os seus ensinamentos!
É o próprio Jesus quem nos diz: ”Quem crê, não é condenado, mas quem não crê já está condenado”...
Crer em Jesus é continuar a sua presença atuante aqui na terra, não crer, é não assumir o projeto de Deus, é rejeitar a luz. Quem não crê em Jesus, não realiza a vontade do Pai, não pratica a justiça, portanto, já está condenado.
Podemos acreditar: o que doeu mais em Jesus, não foi o martírio da cruz em si e sim, a dor de conhecer a extensão do estrago que a indiferença ao amor de Deus provoca no ser humano!
Na cruz, Jesus manifestou ao mundo a grandiosidade do amor do Pai, hoje, Ele nos convida a tomarmos a nossa cruz e segui-lo.
 
FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

Um comentário:

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençoe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.

Postar um comentário