.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

O mundo precisa de testemunhas fiéis a Jesus-Helena Serpa


30/09/2016 - 6ª. Feira - XXVI semana comum -  São Jerônimo - Jó 38,1.12-21;40,3-5 – “a nossa ignorância ao querer arguir a Deus”
No seu sofrimento e aflição humana Jó tentava argumentar com Deus questionando a situação de penúria que estava enfrentando. E o Senhor, com paciência, “no meio da tempestade”, isto é, na hora do maior martírio de Jó, respondeu aos seus lamentos e deu explicações que fizeram-no reconhecer a sua precipitação em falar e a sua ignorância em querer arguir a Deus. Mesmo que tenhamos liberdade para fazê-lo, argumentar com Deus pode se tornar um combate estéril, pois nunca poderemos abranger os Seus desígnios, mas somente confiar nos Seus propósitos. Só Ele sabe tudo, porque fez tudo e tem ciência exata de como todas as coisas funcionam. Hoje, nós também, muitas vezes vulgarmente acusamos a Deus das desgraças que nos acontecem e com a maior facilidade e displicência ousamos ensiná-Lo a governar o mundo e conduzir os acontecimentos. Todos nós almejamos que o melhor sempre aconteça e não percebemos que a nossa participação é decisiva e oportuna para que o bem vença o mal. Queríamos ser como robôs nas mãos do Senhor para que nada dependesse das nossas ações. No entanto, o Senhor faz a sua parte e deixa ao nosso encargo o que a nós compete realizar. – Você também costuma culpar a Deus pelas coisas que você não esperava que ocorressem? – Você costuma questionar as “desgraças” da sua vida? – Você tem consciência daquilo que compete a você e do que compete a Deus?                                                                                                                                                

Salmo 138 – “Conduzi-me no caminho para a vida, ó Senhor!”
Este salmo é um verdadeiro hino que o homem canta ao Deus que o conhece por inteiro e sabe das suas razões e motivações. Ninguém pode fugir do olhar amoroso do Senhor, nenhuma das nossas ações lhe passa despercebida. Neste hino, o homem se rende e se entrega ao seu Criador que o criou do modo mais maravilhoso e que se compraz com o produto da Sua obra. 


Evangelho – Lucas 10, 13-16 – “ O mundo precisa de testemunhas fiéis a Jesus”


Por meio deste Evangelho somos chamados (as), hoje a repensar as nossas ações e a nos comprometer com uma mudança nas nossas atitudes. Jesus recriminava as pessoas das cidades onde     milagres eram realizados, e nem por isso, tomavam consciência para mudar de atitude e dar testemunho de fé. Assim sendo, elas não se convertiam, não progrediam espiritualmente e davam contra testemunho diante das outras cidades. O mundo precisa de testemunhas fiéis a Jesus, para ser restaurado e nós, como verdadeiros cristãos, podemos estar jogando fora o tempo precioso em que estamos vivendo.  Devemos ter em mente que a fé remove montanhas e o testemunho da nossa fé poderá transformar o coração e a vida do povo de Deus. A cada dia Jesus nos concede novas oportunidades para escutar a Sua voz por meio da Sua Palavra, assim como também, dos acontecimentos da nossa vida e continua na Sua missão de nos exortar e advertir. Jesus abre os nossos olhos para que distingamos as Suas obras no meio de nós, às quais muitas vezes nem percebemos porque não exercitamos a nossa fé.   Corazim, Betsaida, Cafarnaum, significam cada um de nós que somos testemunhas dos prodígios do Senhor na nossa vida, mas continuamos os mesmos. Por causa da dureza do nosso coração, não conseguimos ser verdadeiros instrumentos a favor de Deus diante daqueles que nos “escutam” apenas falar. Propomo-nos a edificar o reino de Deus aqui na terra, falamos em Seu Nome, mas não agimos conforme pregamos.  Olhamos e não vimos, ouvimos e não escutamos. Assim fazendo rejeitamos o Senhor que veio do céu para nos dar vida nova. Se, falamos, mas não agimos, estamos contribuindo para que Jesus seja rejeitado, em vista das nossas más ações diante dos homens.  - Você tem percebido as coisas boas da sua vida? Você tem motivos para louvar a Deus? Quais? – A sua pregação tem sido eficaz diante dos homens? – Você fala e vive o que fala? – Você tem sido instrumento de atração ou de rejeição das pessoas para Jesus? – Você tem certeza de que vai para o céu?

4 comentários:

Keity Carvalho - Salmos, casamentos e louvores disse...

Obrigada por esta reflexão, cada palavra muito bem colocada com muita sabedoria.

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençõe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Anônimo disse...

SENHOR EU VOS LOUVO ,POR TUDO QUE TENS FEITO POR MI E MINHA FAMILIA ,OBRIGADO POR TANTO AMOR PARA COM A HUMANIDADE UM DIA TEREMOS QUE NOS DECIDIR SE IREMOS OU FIQUEMOS.QUE TOMEMOS A DECISAO CERTA AMEM

Postar um comentário