.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

“EU TE LOUVO, PAI, SENHOR DO CÉU E DA TERRA...” - Olívia Coutinho


Dia 03 de Dezembro de 2013-11-27

Evangelho de Lc 10,21-24


Quando nos colocamos diante de Deus como servos, Ele vai nos moldando de acordo com as nossas aptidões e quando nos damos conta, já estamos inseridos no meio do mundo, realizando trabalhos em prol do Reino de Deus, que antes julgávamos incapazes realizar.
É importante termos em mente, que, o que  nos capacita  a trabalhar pelo reino de Deus,   não é o  saber humano, e sim, o Espírito Santo de Deus! De nossa pessoa, basta o desejo de difundir o evangelho, o que podemos fazer até mesmo sem o uso de palavras, simplesmente com o nosso testemunho de vida! Portanto, ninguém precisa sentir fraco incapaz de realizar algo, pois se temos boa vontade e disposição Deus abre caminhos...
 Foi o que aconteceu com os 72 discípulos enviados por Jesus em missão, certamente, eles  não imaginavam que dariam conta de realizar algo de tamanha importância como realizaram. 
O texto que antecede o evangelho de hoje (Lc 10,17) fala da alegria destes discípulos ao  prestar conta à Jesus, da missão realizada com sucesso.
Jesus se alegra, ao constatar que o projeto de Deus começava a se desenvolver através dos pequenos! “Eu te louvo, Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondestes estas coisas aos sábios e inteligentes, e as revelastes aos pequeninos.”
O testemunho destes discípulos, que se abriram a ação do Espírito Santo  retira o nosso receio de dizer sim ao chamado de Deus por julgarmos  incapazes   de realizar algo em favor do Reino.
Como sabemos, a escolha dos 72 discípulos  não caíra  sobre homens especiais, e sim, sobre pessoas simples, limitadas, dotadas de virtudes e defeitos. O que nos mostra a diferença entre os critérios de Deus e os critérios do mundo: o mundo escolhe pessoas capacitadas para exercer cargos, Deus, capacita os escolhidos,  revestindo -os da sabedoria divina, possibilitando-os a exercer o cargo mais importante de todo o universo: servidor do Reino!
A todo instante, somos chamados a  sermos propagadores do Reino de Deus! Os pequenos, ou seja, os que se esvaziam de si mesmo para se preencher de Deus, são os que aceitam o seu chamado sem questionar,  pois  se colocam na dependência de Deus!
  Quem se deixa iluminar pela Luz de Cristo, dá testemunho de Jesus em qualquer circunstancia, irradia alegria por onde passa,  uma alegria contagiante, que não se resume em um sentimento superficial, inconsistente, pelo contrário, a alegria de quem trabalha pelo Reino de Deus é uma alegria duradora, consistente, de origem divina que nada assemelha as alegrias momentâneas proporcionadas pelo mundo.
A alegria, é a marca de quem se abre a ação do Espírito Santo, é um sinal de sua adesão a Cristo. 
Quando Deus nos convoca para uma missão, o primeiro passo tem que ser nosso, os demais, Ele caminha conosco.

 FIQUE NA PAZ DE JESUS! -  Olívia


Um comentário:

Unknown disse...

Muito lindo Olivia, numa linguagem, profunda de conteúdo e ensinamento e simples de compreensão dessa palavra. Deus continue te iluminando e orientando e dando direção e sabedoria para esse trabalho que ajuda e muito mesmo. João Ricardo

Postar um comentário