.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Somos enviados pela Santíssima Trindade-Helena Serpa

31 de Maio - DOMINGO - Evangelho - Mt 28,16-20

1ª. Leitura - Deuteronômio 4, 32-34.39-40 – “para viver longos dias sobre a terra”

Se nos conscientizarmos de que tudo o quanto buscamos e ansiamos se encontra à nossa disposição no celeiro que Deus Pai já providenciou para o nossa sustento, com certeza, nós já viveríamos, aqui na terra, a vida longa tão desejada por nós. Porque é um ser religioso o homem vive em busca de alguém que venha preencher o vazio espiritual que se manifesta dentro de si mesmo. No fundo, todos nós desejamos encontrar Aquele que nos criou, no entanto, vezes nos atrapalhamos nesta busca e não reconhecemos que esse Alguém tão ansiado, na verdade, já se encontra vivo e atuante na nossa vida. A busca da felicidade e do prazer se mistura com o desejo que a nossa alma possui de deixar-se entregar ao Deus que nos criou. Portanto, as palavras que Moisés dirigiu ao povo de Israel quando os tirou do Egito com milagres e prodígios servem de alerta para nós que vivemos nesta busca de vida longa isto é, vida feliz, para nós e nossos filhos: “reconhece que o Senhor é o Deus lá em cima do céu e cá embaixo na terra”. “Guarda suas leis e mandamentos… para que sejas feliz, tu e teus filhos”. Se, portanto, nós apreendermos a verdade de que já temos a prova concreta da presença de Deus no nosso meio e da eficácia dos Seus mandamentos, seremos felizes, nós e nossos filhos e receberemos a herança da vida eterna. O Deus que criou o céu, a terra e tudo o que neles há, é o mesmo que habita no nosso coração e tem parte constante na nossa existência. – Você tem tido provas da presença do Deus do céu aqui na terra? – Você reconhece a presença do Deus Criador na sua vida? – Você tem os mandamentos da Lei de Deus como regras para a sua felicidade? – O que você espera deixar para as gerações que vierem depois? – Você louva o Senhor pela criação?

Salmo 32 – Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança

A palavra do Senhor criou os céus, a terra e todas as coisas que neles existem. O seu poder domina todo o universo, mas apesar de sermos apenas criaturas Suas, também podemos dizer como o salmista que o seu olhar pousa sobre nós para nos libertar e nos alimentar nos tempos de penúria. O Senhor nos elevou a um grau de dignidade tal, que nos concede vida, pão e libertação. É Nele, que esperamos com confiança, pois Ele é o nosso auxilio e proteção, Nós fomos escolhidos, por sua herança.

2ª. Leitura – Romanos 8, 14-17 “glorificados com Jesus”

É o próprio Espírito Santo que vive dentro de nós que atesta e nos convence de que somos filhos de Deus. Se, nos deixarmos conduzir por Ele, teremos a certeza de que não somos mais apenas criaturas de Deus, mas Seus filhos e filhas, portanto, não precisaremos mais ser escravos do medo. Recebemos um espírito de adoção, dessa forma, somos livres para chamar a Deus de Aba, ó Pai! (papaizinho). São Paulo nos garante que o próprio Espírito se une ao nosso espírito para atestar que somos filhos de Deus e se somos filhos, obviamente somos também, herdeiros. A herança a que temos direito vale mais que todo o ouro do mundo, pois é a participação na glória de Deus e a vida eterna que nos foi concedida por Jesus Cristo. Jesus é o Filho único de Deus e nós somos adotados por Ele no poder do Espírito Santo. Portanto, a nossa filiação é trinitária. Somos filhos e filhas do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Todavia, nós precisamos também estar alertas, pois, se, o próprio Filho de Deus, Jesus Cristo primeiro sofreu para depois ser glorificado, também não precisaremos nos apavorar quando passarmos por provas dignas de filhos do Pai e irmãos de Jesus Cristo. Só assim também seremos glorificados (as). São Paulo também nos esclarece: “Se realmente sofremos com ele, é para sermos também glorificados com ele”. Que possamos colocar a nossa existência sob a guarda do Espírito Santo e, assim, todas as coisas que nos acontecerem serão como bilhetes de passagem para sermos glorificados (as) com Jesus perto do Pai. – Você tem o Espírito Santo como condutor da sua vida? – Você está convencido (a) de que é, realmente, um filho, uma filha de Deus? – Você tem intimidade com o Pai o Filho e o Espírito Santo? – Para você o que é Santíssima Trindade? – Você chama Deus de Aba (papaizinho)?

Evangelho – Mateus 28, 16-20 – “ somos enviados pela Santíssima Trindade”

Mesmo depois de Jesus ter ressuscitado e de ter se apresentado vivo e glorificado diante dos Seus discípulos, alguns ainda duvidaram. Isto, porém, não abalou a Jesus, pois Ele conhecia a sua fraqueza, mas sabia também que eles tinham um coração adorador e eram confiantes na Sua Palavra. Por isso, Jesus falou com autoridade para que eles continuassem aqui na terra a missão de formar discípulos dele e batizá-los no Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Este mandato é também para nós, hoje, herdeiros de Deus e discípulos de Jesus Cristo. Assim sendo, precisamos também assumir a Palavra do Evangelho com coragem e ousadia quando ele diz: “ide e fazei discípulos meus todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo”. Esta palavra de Jesus confirma a nossa missão de missionários do reino e também que somos enviados pela Santíssima Trindade, primeira comunidade, modelo de Unidade no Amor. A nossa missão é observar tudo o que Jesus nos ordenou e assim ensinar a todos aqueles (as) a quem nós encontrarmos. - Você tem cumprido com o mandato de Jesus? – Para você o que significa ser discípulo de Jesus? – Qual o significado para você da oração: Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo? – Você tem consciência do que é dizer ou fazer alguma coisa em Nome da Trindade?

Helena Serpa,
 
Fundadora da Comunidade Missionária Um Novo Caminho


Um comentário:

José Maria Nascimento disse...

Obrigado!!!

Postar um comentário