.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

segunda-feira, 1 de maio de 2017

O nosso organismo espiritual é revitalizado pela vida divina-Helena Serpa

 05/05/2017  - 6ª. Feira III Semana da Páscoa – Atos 9, 1-20 – “quem conhece o poder do ressuscitado não pode permanecer na mesma vida”
Deus não nos deixará permanecer na ignorância, por isso, a conversão de São Paulo nos testifica de que quando estamos a serviço de Deus, mesmo que vivamos um tempo de estupidez, de confusão, Ele não nos deixará continuar no erro para sempre.  O encontro com Jesus nos leva a tomar atitudes e quem conhece o poder do ressuscitado não pode permanecer na mesma vida.
É a autoridade de Jesus quem nos motiva a obedecê-lo e segui-Lo. De perseguidor dos cristãos, em nome de Deus, Saulo teve um encontro pessoal com Jesus e a sua vida foi transformada. Perseguindo os discípulos de Jesus, Saulo, sem saber, perseguia a Deus; não olhava para os sinais do ressuscitado e na sua obstinação pela lei ele cometia até crimes, fazendo de tudo para desmascarar a Jesus e acossando os seus discípulos. Assim, acontece também, com qualquer um de nós que defende as suas ideias, suas convicções e se põe em luta contra Deus querendo derrubar aqueles que são realmente os Seus discípulos e seguidores. Nós perseguimos a Jesus quando por ignorância, também falamos mal da Igreja, dos sacerdotes, porque queremos que as nossas “ideias”, mesmo contra o Evangelho, sejam aceitas e acatadas por eles. Chega certo momento, porém, em que no meio da viagem das nossas convicções, nós somos cercados por uma Luz que nos tira da ignorância em que vivíamos: “é o cair do cavalo”. O encontro com o Cristo ressuscitado  mudou a mentalidade de Saulo: ele cegou, foi curado, foi batizado e cheio do Espírito Santo começou a pregar que Jesus é o Filho de Deus, justamente o contrário do que ele afirmara antes. E nós? Será que isto pode estar acontecendo também conosco? Às vezes em nome da  “Lei de Deus” nós nos pomos contra Deus. A Lei de Deus é a Lei do Amor porque Deus é amor, porém nós podemos estar odiando em nome de Deus.  -   O que você acha disso? –Qual a mensagem que você tira para a sua vida? – Existe alguma coincidência com o que acontece com você? – Será que você também tem perseguido a Jesus?
Salmo 116 – “Ide por todo o mundo, a todos pregai o Evangelho”.
Pregar o Evangelho é dar testemunho do amor de Deus e da Sua fidelidade para conosco. Isto, nós fazemos, quando também, livremente, de coração aberto, cantamos louvores ao Senhor,   e chamamos a atenção de toda gente. Deus se regozija conosco quando cantamos a Sua glória aqui na terra.

Evangelho – João 6, 52-59 -   “o nosso organismo espiritual é revitalizado pela vida divina”

Cumprindo com a Sua Palavra que dizia, “quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia,” na última Ceia, Jesus institui a Eucaristia, e oferece Seu Corpo e Seu Sangue como um alimento verdadeiro e real.  A carne e o sangue de Jesus são o alimento que vem do céu para nos conduzir ao céu. É o sustento da nossa alma!  “Mais importante que o pão de cada dia, para o sustento do corpo, é a Eucaristia, este "alimento" que se torna sustento para a alma e permanece para a vida eterna.”  Por mais que materialmente nos alimentemos bem, se não comungarmos da Palavra e da Eucaristia, seremos sempre pessoas fracas, confusas, desestruturadas para o combate da vida. Nós somos aquilo que comemos, e na medida em que nos alimentamos do Corpo e do Sangue de Cristo, nós vamos nos assemelhando a Ele, pois o Seu Sangue corre pelas nossas veias e o nosso organismo espiritual é revitalizado pela vida divina. Pela Eucaristia, Jesus passa a viver em nós e passamos a pertencer a Ele. “Quem come a minha carne e bebe  meu sangue permanece em mim e eu nele.” Para termos esta santa intimidade, porém,  precisamos nos alimentar literalmente do Corpo e do Sangue de Jesus, conscientes de que as Suas Palavras se tornam vida em nossa vida: "A minha carne é verdadeiramente uma comida. O meu sangue verdadeiramente uma bebida”. Ele jamais diz: "a minha carne e o meu sangue são simbolicamente uma comida e bebida”. Passamos a pertencer a Nosso Senhor e Ele torna-se o dono da nossa vida e nos ressuscitará no momento preciso.  - Você se admira de Jesus ter dito estas palavras? – Você tem a Bíblia como o próprio Jesus, O Verbo Encarnado? – Quando você adora a Jesus Sacramentado, você tem consciência de que ali está o Corpo e o Sangue de Jesus? – Qual é o efeito que este pensamento provoca em você? – Experimente adorá-lo assim! Perceba a diferença.


2 comentários:

joao lessa disse...

NOSSO DEUS E NOSSO PAI PERDAO POR MEUS PECADOS E PELOS PECADOS DO MUNDO ,OBRIGADO POR TUDO QUE SOU POR TUDO QUE TENHO,IRMAOS E IRMAS QUE A PAZ ESTEJA COM TODOS,QUE POSSAMOS TODOS NOS POSSAMO S NOS ALIMENTAR DESTE PAO QUE E JSUZ AMEM

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençoe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.

Postar um comentário