.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

terça-feira, 23 de maio de 2017

-Pedir ao Pai em nome do Filho-José Salviano

27 de Maio de 2017
Cor: Branco
Evangelho - Jo 16,23b-28

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
23bEm verdade, em verdade vos digo:
se pedirdes ao Pai alguma coisa em meu nome,
ele vo-la dará.
24Até agora nada pedistes em meu nome;
pedi, e recebereis;
para que a vossa alegria seja completa.
25Disse-vos estas coisas em linguagem figurativa.
Vem a hora em que não vos falarei mais em figuras,
mas claramente vos falarei do Pai.
26Naquele dia pedireis em meu nome,
e não vos digo que vou pedir ao Pai por vós,
27pois o próprio Pai vos ama,
porque vós me amastes
e acreditastes que eu vim da parte de Deus.
28Eu saí do Pai e vim ao mundo;
e novamente parto do mundo e vou para o Pai.'
Palavra da Salvação.(CNBB).

Muitas vezes nós rezamos e pedimos ao Pai e nada acontece. Vejamos um exemplo muito comum que acontece na nossa vida familiar. O filho pede ao Pai, por exemplo, uma navalha, ou uma faca para brincar. O pai não lhe dá. O menino esperneia, chora, grita e depois fica emburrado, fica de mal dom seu pai.
Se o pai atendesse o pedido daquela criança, o que aconteceria? Ela poderia com quase toda certeza, ter se cortado.  Mas a criança não tem idade para entender. Não distingue as coisas, não entende o perigo, não percebe o que lhe poderia acontecer. E fica com muita raiva, achando que foi uma grande maldade do seu pai, não ter lhe dado a faca para brincar.
O mesmo acontece conosco. Muitos dos pedidos que fazemos a Deus, por mais incrível que nos pareça, podem nos fazer grande mal.
Exemplo. Aquele jovem inexperiente, fica entusiasmado ao ver um filme de corridas, e pede diariamente a Deus que lhe dê condições de comprar um carro.  Mas isso não acontece. Então aquele jovem menos avisado, fica triste. Triste, e quase de mal com Deus por Ele não lhe ter concedido aquela graça.
Quantas pessoas pedem todos os dias para ganhar na loteria? São muitas. E por que não recebem a graça? Porque, com toda certeza, aquele prêmio poderia arruinar grandemente a sua vida.  Não dá para aceitar isso, mais é a pura verdade. Um indivíduo de origem pobre, que sempre teve de conviver com muitas dificuldades, de repente ganha uma grande soma de dinheiro, fica sem saber o que fazer, e acaba por gastar tudo em um prazo bem menor do que se imagina.
Um exemplo disso está na parábola do filho pródigo.
Jesus disse que quando pedirmos a Deus, devemos fazer isso nome de Jesus. Jesus é o intermediário maior entre nós e o Pai.  Por isso, com todo respeito e veneração que devotamos aos santos, devemos preferir pedir a Deus em nome de Jesus. Isso foi o próprio Jesus que o disse!
Muitas graças recebemos quando o que pedimos está de acordo com a vontade do Pai. Quando o que lhe pedimos é justo, e realmente necessário. Porém, precisamos entender que o tempo de Deus é diferente do nosso tempo. Muitas vezes entendemos que necessitamos de uma coisa, e Deus perfeição absoluta, sabe que necessitamos de outra coisa muitas vezes exatamente contrária aquilo que pedimos.
Podemos pedir paz e tranquilidade, por exemplo, e em vez disso, Deus nos dá muitos problemas. Isso para que possamos amadurecer, para  que possamos aprender na prática, a lutar pela nossa sobrevivência.
Tenhamos paciência, e continuemos a pedir. Acrescentemos no final das nossas orações: contudo, Pai seja feita a vossa vontade.

Tenha um bom dia. José Salviano.




Um comentário:

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário