.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

“AS MINHAS OVELHAS ESCUTAM A MINHA VOZ...” – Olivia Coutinho

 Dia 24 de Abril de 2018
 Evangelho de Jo10,22-30 


          São muitos, os que perdem a oportunidade de fazer a experiência do amor de Deus, no seguimento a Jesus! Pessoas, que permanecem fechadas no seu “eu” que não querem enxergar a verdade que liberta, preferindo viver segundo  suas “verdades.”
O evangelho que a liturgia de hoje nos apresenta, começa falando da insistência dos judeus em querer que Jesus dissesse abertamente se Ele era realmente o Messias! Mas Jesus,  recusa a respondê-los, afinal, Ele já havia revelado a sua divindade, através de suas obras, que eram obras do Pai!
“Se tu és o Messias, dize-nos abertamente.” Jesus responde: “As obras que eu faço em nome do meu Pai, dão testemunho de mim; vós, porém, não acreditais, porque não sois das minhas ovelhas.”  Esses judeus, não eram ovelhas de Jesus, não, porque Jesus os rejeitasse, mas, por causa da dureza de seus corações que os levava a recusar Jesus, o Bom Pastor!
Quem tem o coração endurecido, é fechado à graça de Deus, não acolhe o dom da fé, por isto não aceita Jesus como o Senhor de sua vida. É pela fé, que reconhecemos Jesus como o Bom Pastor, o nosso Deus e Senhor!  
No texto, Jesus deixa claro a sua intimidade com os que acolhe o dom da fé, a estes, Ele chama de “suas ovelhas” uma forma carinhosa que Jesus usava, para dirigir aos que haviam aderido  a sua proposta e também, aos que viriam a aderi-la por causa do testemunho deles.  
Ao se colocar como o Bom Pastor, Jesus deixa claro, que Ele é um Pastor, extremamente cuidadoso com o seu rebanho, Ele  só quer o bem de suas ovelhas, mesmo daquelas que vez por outra ameaçam cometam alguns deslizes.
Ao contrário dos que se dizem pastores, mas não tem compromisso com o seu rebanho, os que exploram as suas ovelhas, Jesus é um Pastor solícito, acolhedor, Ele conhece cada ovelha pelo o nome, sabe das suas necessidades. 
Como Bom Pastor, Jesus nunca ilude as suas ovelhas com promessas de vida fácil, mas lhes garante segurança, colocando-se pronto para curar suas feridas, carrega-las no colo se necessário for.
O primeiro passo, de quem deseja fazer parte do rebanho do Senhor, é a conversão do coração, a conversão nos abre  ao amor do Bom Pastor. 
Quem ama e sente amado pelo o Bom Pastor, sabe distinguir a sua voz em meio as vozes dos falsos pastores, os que tentam sobrepor a sua voz.
Como ovelhas pertencentes ao rebanho do Senhor da vida, devemos ser promotores de vida, acolhendo  as ovelhas que se perderam, mas que querem retornar ao convívio do Bom Pastor.  O que não significa, concordar com o erro dessas ovelhas, mas, em  acreditar, que uma pessoa, criada a imagem e semelhança de Deus, pode mudar de vida.
No final do evangelho, Jesus fala fundo ao nosso coração ao nos assegurar: “Meu Pai que me deu estas ovelhas, é maior que todos, e ninguém pode arrebatá-las da mão do Pai.”

FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:


2 comentários:

Mariano Silveira disse...

DEUS te abençoe e te ilumine. Obrigado p/ reflexão.
Santa Maria, Rio Grande do Sul.

Anônimo disse...

Eu, Jair Ferreira da cidade de Cruz das Almas - Ba todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo.

Postar um comentário