.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

domingo, 17 de julho de 2016

-Por que tu falas ao povo em parábolas?-José Salviano

21 de Julho de 2016- Ano C
Evangelho - Mt 13,10-17


Os discípulos queriam saber por que Jesus falava ao povo em parábolas. E a resposta de Jesus não foi nem um pouco que eles esperavam.
“Porque este povo se tornou insensível. Eles ouviram com má vontade e fecharam seus olhos, para não ver com os olhos, nem ouvir com os ouvidos...” 
Insensível significa INDIFERENTE. E a indiferença é a maior praga, o maior vírus que se aloja na mente do ser humano.
O indiferente não tem jeito. Não adiante insistir, ele nunca vai acreditar. Mas aquele que é inquieto, aquele que parece descrente, poderá um dia se converter.
Imagine que você esteja fazendo uma palestra em uma escola, sobre o mistério da encarnação de Jesus.  Ali, diante de você, tem gente de muitas procedências. Desde macumbeiros, pessoas que acreditam embora não praticam a fé, até mesmo descrentes.
Sabemos que muitas vezes, os pagãos podem ouvir com mais atenção a palavra de Deus do que os devotos calejados na reza do terço. E em uma situação como essa, considerada solo bruto, pode se encontrar muitos que estão sedentos de Deus, ali misturados com outros que por vezes podem estar revoltados com todos e com tudo.
Aí, um deles levanta a mão e contesta o que você disse. Isso é um absurdo! Como pode Maria engravidar e continuar a ser virgem? No primeiro momento, aquela intervenção, aquela experiência pode ser assustadora, pode deixar você em pânico! Porém, você se lembra que o Espírito Santo não lhe abandona numa situação como esta. Você cai na realidade de que não está ali sozinho, falando sobre os projetos de uma empresa qualquer. Você está naquele recinto para mostrar as maravilhas do Reino de Deus, e por isso está acompanhado de Deus, de Jesus, e do Espírito Santo. 
Então você respira, e começa a responder àquela furiosa intervenção, que se apresentou para lhe destruir.
E você explica que Maria antes mesmo de nascer, já foi pensada, planejada por Deus. E já no momento da sua concepção, Maria passou a ser preparada para a sua grande missão, de conceber em seu corpo pelo poder do Espírito de Deus, o seu Filho salvador da humanidade.
Você pode perguntar àquele homem que continua a lhe encarar com ar de fúria, se ele acredita em Deus.
Ele responde que acredita “piamente” em Deus!
Feito isso, você pode acrescentar com base no Catecismo, que Deus planejou enviar o Seu Filho ao mundo, mas para dar-lhe um corpo, Deus quis a livre colaboração de uma criatura. Por isso desde toda a eternidade, Deus escolheu para ser a mãe de seu Filho, uma filha de Israel, uma jovem judia de Nazaré na Galiléia, uma virgem que estava prometida para ser a esposa de um homem chamado José, o qual era descendente de Davi, e o nome dessa virgem era Maria.
Quanto à questão da virgindade antes durante e depois do parto, se deve ao fato de que para Deus nada é impossível. E você acabou de dizer que acredita piamente em Deus. E ponto final.
Veja que se aquele homem se mostrou revoltado com a virgindade de Maria, ele certamente não era um DESINTERESSADO pelo assunto. E com certeza queria mesmo era uma boa explicação do fato.
Os demais permaneceram calados, muitos na verdade estavam INDIFERENTES a tudo o que você disse.
O objetivo desta explicação é mostrar que nem todos os que questionam, são descrentes. Mas os que se calam, e até ouvem a palavra, nem sempre acreditam. Nem sempre estão aceitando, ou assimilando.
Por isso, antes de classificar como agentes de CISÃO, devemos dar mais atenção aos que contestam, aos que questionam, aos que não aceitam certos detalhes... Pois pode ser que no fundo, esses revoltados, só querem mesmos é aprender mais, para crer mais. Ou querem corrigir alguns erros que durante séculos foram ventilados como verdades...
Se não fui claro, aguardo seu retorno pelo fale conosco.

Um bom dia. José Salviano.







Um comentário:

Anônimo disse...

Eu todos os dias faço a leitura do dia e complemento com os comentários dessa equipe para complementar meus ensinamento e por em prática muito obrigado, que o Senhor Deus continue derramando benção a todos na Paz de Cristo, Jair Ferreira.

Postar um comentário