.

I N T E R N A U T A S-M I S S I O N Á R I O S

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS

e RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

domingo, 26 de junho de 2016

“POR QUE TENDES TANTO MEDO”... - Olívia Coutinho


 
Dia 28 de Junho  de 2016
 
Evangelho Mt 8,23-27
 
Ao longo de nossa existência, somos acometidos por situações adversas, que ás vezes tira o nosso chão!
Podemos dizer que estes momentos difíceis, são o termômetro que mede o grau da nossa fé, se temos uma fé firme com raízes profundas, jamais sucumbiremos diante às intempéries da vida!
É a fé que nos dá força e coragem para enfrentar e superar os inúmeros desafios que encontramos pelo caminho!
Quem tem fé, nunca  se dá como vencido diante às dificuldades, quem não tem fé, se entrega, não tem a quem recorrer, já que não confia na intervenção de Deus!
São nos momentos difíceis que percebemos o valor da fé! O que seria de nós sem a fé?
Podemos comparar uma fé firme, com o bambuzal, no momento de uma tempestade, o bambuzal  parece não resistir a força do vento indo até o chão, mas ele não quebra, pois suas raízes profundas o mantém firme durante as tempestades! Assim que a tempestade passa,  o bambuzal volta ao seu normal! Assim, deve ser a nossa fé, profunda, como as raízes do bambuzal!
Uma fé firme, com raízes profundas, jamais nos deixará perecer nos momentos difíceis! 
É pela  fé, que adquirimos o impulso para reerguermos depois de enfrentarmos os vendavais da vida! Portanto, é importante estarmos sempre alimentando a nossa fé, o que podemos fazer através da oração, da escuta da palavra, da vivencia em comunidade, da Eucaristia...
Com Cristo e em Cristo, jamais fraquejaremos diante as adversidades da vida e mesmo quando tudo nos parecer obscuro, não vamos perder a esperança, pois para quem tem fé, uma luz sempre há de brilhar, apontando uma saída!
Do evangelho que a liturgia de hoje nos apresenta, podemos tirar várias lições, dentre tantas, o poder de Jesus sobre todas as coisas! Como não recorrer a Ele nas nossas dificuldades? 
O texto chama a nossa atenção para a essencialidade  da fé! 
A narrativa nos diz que os discípulos, ao serem surpreendidos por uma grande tempestade no mar, entram em desespero, não se dando conta de que dentro da barca estava aquele, que mesmo dormindo, não estava ausente!
Os discípulos, tomados pelo medo, acordam Jesus, que os repreende: “Porque tendes tanto medo, homens fracos na fé?” Como podemos perceber, os discípulos, mesmo estando com Jesus, não se sentiam seguros, faltava-lhes ainda um fortalecimento na fé.
Quantas vezes, nós também somos assim, rezamos pedindo a proteção de Deus e mesmo assim continuamos inseguros, com medo, um sinal de que ainda não confiamos plenamente  no poder de Deus, de que ainda precisamos de um amadurecimento na fé!
Ter fé, não significa simplesmente acreditar em Deus, ter fé, é depositar a nossa confiança e segurança Nele, é vencer desafios caminhando na certeza da vitória!
A fé nos liberta, o medo nos paralisa, portanto, fé e medo não são compatíveis!
Fé é experiência de amor! Façamos esta experiência, adentrando no coração de Jesus!
FIQUE NA PAZ DE JESUS! – Olívia Coutinho
Venha fazer parte do meu grupo de reflexão no Facebook:

4 comentários:

Anônimo disse...

AMEI ESTA REFLEXÃO; AMÉM

Anônimo disse...

linda reflexão.Usarei no programa da rádio VOZSERANAFM.

Mariano Silveira disse...

Parabéns p/ reflexão. Fica com DEUS.

Anônimo disse...

Celebrarei hoje um dia da novena em honra a São Pedro, usarei esta linha de reflexão. Muito boa! Deus a fotaleça cada dia mais na missão de evangelizar.

Geane Helem

Postar um comentário