.

INTERNAUTAS MISSIONÁRIOS

SOMOS CATÓLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS - RESPEITAMOS TODAS AS RELIGIÕES.

LEIA, ESCUTE, PRATIQUE E ENSINE.

PARA PESQUISAR NESTE BLOG DIGITE UMA PALAVRA, OU UMA FRASE DO EVANGELHO E CLICA EM PESQUISAR.

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

SÓ UM LEPROSO VOLTOU PARA AGRADECER - José Salviano

28º DOMINGO TEMPO COMUM

13 de Outubro

Evangelho - Lc 17,11-19

Os dez leprosos...
PRIMEIRA LEITURA

            A conversão Naamã. Na vizinha Síria, Naamã era o general comandante do exército, e tinha lepra. Rico e poderoso,muito  útil ao rei pela sua bravura e conhecimentos nas técnicas de guerra, ninguém ousara expulsá-lo por causa da lepra. Mas esse homem sofredor ficou sabendo que havia um grande profeta em Israel. Naamã pegou muito dinheiro e foi ao encontro do profeta Eliseu. Porém, aquele profeta trata-o como se ele fosse um pobre qualquer: manda um criado  dizer-lhe que fosse se lavar sete vezes no rio Jordão. Naamã achou aquilo muito humilhante fica furioso e resolve voltar para casa. Depois, com muito custo, os seus servos convencem-no a banhar-se no rio. Ao ver que tinha ficado curado após o banho, o general regressa e, com humilde dignidade, agradece ao profeta. Declara que doravante só rezará ao Deus de Israel.

SEGUNDA LEITURA.

            Caríssimos, vejam que coragem a do apóstolo Paulo!  Por ele eu estou sofrendo até às algemas, como se eu fosse um malfeitor; mas a palavra de Deus não está algemada.
            Mesmo estando preso, ele não desanima de ser um portador da palavra, a qual afirma ser livre não importando o que possa acontecer. Paulo afirma que aquele que morre por Cristo, haverá de viver e reinar na glória eterna um dia. Mas aquele que negará a pessoa de Jesus Cristo, também será negado diante do Pai em sua glória. Mas temos uma boa notícia: Se lhe somos infiéis, ele permanece fiel, pois não pode negar-se a si mesmo.
Assim funciona a bondade e a misericórdia de Deus Pai para conosco.

            Prezados Irmãos. A liturgia desse domingo é muito rica e nos conduz a vários pontos de reflexão. Poderemos começar pela causa que impulsionou aqueles dez leprosos a pedir socorro a Jesus:

A LEPRA - Como sabemos a medicina no tempo de Jesus praticamente não existia. Qualquer tipo de afecção na pele, como uma simples coceira, era considerada lepra, a qual era uma  doença incurável e de alto grau de contágio. Por isso o leproso era isolado do convívio social para não transmitir o seu mal aos demais. E em caso de cura, o que acontecia geralmente pelo término de uma simples coceira (considerada lepra), o indivíduo tinha de se apresentar ao sacerdote, autoridade máxima para ser examinado e liberado a conviver normalmente na sociedade. O leproso, como todo tipo de doente, era considerado um pecador que estava sendo castigado por Deus por seus pecados.  Jesus vai mostrar que não era nada disso, e até toca nos leprosos em outra ocasião.

A FÉ DOS LEPROSOS. Os leprosos avistaram Jesus, e sabia que Ele era a sua única esperança de cura. Por isso gritaram: 'Jesus, Mestre, tem compaixão de nós!'

A MISEICÓRDIA DIVINA-ACURA - Jesus daquela vez não faz nenhum gesto de cura, e simplesmente os manda se apresentar aos sacerdotes, para que fossem liberados a conviverem no meio dos demais cidadãos. Os leprosos acreditaram, obedeceram e foram. Enquanto caminhavam, a lepra foi desaparecendo e somente um voltou para mostrar o seu reconhecimento de gratidão a aquele que os libertou daquele grande mal.

QUEM  VOLTOU PARA AGRADECER? - Foi exatamente um samaritano, um desprezado e excluído  socialmente pelos judeus, especialmente pelos líderes religiosos, pelo fato dos samaritanos serem formados por uma mistura racial e de não seguirem ao Judaísmo. Reparem que na parábola do Bom samaritano inventada por Jesus, o principal personagem é um samaritano. Aqui neste fato real, a cura dos dez leprosos, o único que se lembrou de voltar para agradecer, foi também um samaritano.  

"Então Jesus lhe perguntou: 'Não foram dez os curados? E os outro nove, onde estão?

            Aqueles nove leprosos mal-agradecidos, representam os 90% da sociedade atual que dormem todo dia sem agradecer a Deus pelas graças recebidas no dia que termina.  Adormecem pelo cansaço, ou embriagados pelo álcool, droga ou pelos seus pecados cometidos, que nem se lembram de dizerem: Meu Deus obrigado pelo dia de hoje! Obrigado por que estou vivo, empregado, com saúde, obrigado por eu não ter sofrido hoje nenhum tipo de acidente ou assalto, obrigado por tudo, até mesmo pelo sofrimento que vos ofereço pelo perdão dos meus pecados. Obrigado, meu Deus!
Esses 90% são aqueles que acham que não precisam de Deus para nada. Aqueles que pensam que podem resolver suas vidas com seus próprios recursos, principalmente por sua esperteza, pois se julgam auto-suficientes.
            Vejam. Deus poderia manter uma sociedade em que todos os indivíduos possuíssem tudo o que bem necessitassem ou quisessem, com todo o conforto disponível, sem doenças, sem nenhum tipo de sofrimento.  Agora você pensa. Quem buscaria Deus? Quem diria "Jesus, Mestre, tem compaixão de nós!"
Assim, se explica o sofrimento. É aí que Deus pode até permitir o sofrimento para que nos caia a ficha, para nos mostrar que sem Deus nós não somos absolutamente nada!  Para nos chamar de volta a casa do Pai, pela conversão.  O sofrimento é bom.
O sofrimento pode ser uma causa de conversão. Porque enquanto está tudo maravilha, o ser humano nem se lembra de Deus. Porém, quando a casa cai é que ele se lembram de gritar: Jesus misericórdia! Jesus, tem piedade de mim!  

A LEPRA MORAL DOS NOSSOS DIAS - A lepra como doença física hoje em dia está completamente controlada.  Porém a lepra moral que é a destruição ou inversão dos valores morais, é a pior das doenças dos nossos dias, pois ela é a causadora de todos os males.  A lepra moral do mundo de hoje está  no mal uso da liberdade, na auto-destruição através da embriaguês de todo tipo, na busca desesperada pelo prazer sem limites. 
            E assim vemos Jovens envelhecidos antes do tempo.  Jovens morrendo de  cirrose, ou pelo coração dilatado por causa das overdoses. Jovens que morrem cedo vítimas da guerrilha ora contra a polícia, ora contra grupos rivais!...  Mães que choram ao enterrar os seus filhos em plena flor da idade!  Meninas que engravidam sem se casarem e põem filhos no mundo sem estarem devidamente preparadas para dar-lhes a devida educação e sustento e depois se prostituem ou assaltam para poder comprar o leite.
            Um homem de palavra, uma pessoa honesta, caridosa, altruísta, capaz de não medir esforços para salvar ou ajudar a quem precisa, um jovem respeitador, de confiança,  religioso, defensor dos direitos dos outros?
Ainda existe. Porém, em pequena quantidade!  Eles representam apenas dez por cento da sociedade. Por que a lepra moral veiculada na mídia, destruiu os valores morais na mente dos 90% dos jovens e em seu lugar, foi inserido: a esperteza, o egoísmo, a violência e o prazer sem assumir nenhuma consequência ou responsabilidade!...

OS DEZ POR CENTO- Felizmente os 10% que ainda sobrou dos jovens, dá gosto de ver! Uma parte deles que esteve no Rio de Janeiro no ano de 2013, na Jornada Mundial da Juventude, juntamente com o Papa Francisco.  Esses jovens deram sublime e santo exemplo de prática da fé católica. A praia de Copacabana  praticamente ficou lotada, e o mais notável como observou sua santidade, foi o fato deles terem enfrentado: O vento, o frio, a chuva e o desconforto de ter de ficar várias horas de pé!  Isso foi para calar a boca daqueles que vivem dizendo que viver a fé é coisa do passado!  É verdade que 10% representa uma minoria, porém, uma minoria que prima pela qualidade extraordinária de maturidade espiritual.
A praia ficou lotada de representantes dos 10% daqueles que reconhecem Jesus, e seu representante máximo no mundo, o Papa, e ainda  rezam pelos 90% dos indiferentes que ignoram Jesus e o Evangelho.

            Nesta reflexão agora só nos resta uma pergunta muito importante: DE         QUE LADO VOCÊ ESTÁ?   Você está do lado dos 9 leprosos que nem se importaram em agradecer...
Ou você esta do lado daquele leproso que representa a minoria da sociedade que reconhece a Deus e seus mistérios, e que agradece pelas graças recebidas diariamente?

            Prezado irmão, prezada irmã. Então. Se você está do lado errado, do lado dos indiferentes, Jesus hoje está lhe chamando para mudar de lado, mudar de direção, e passar para o lado daqueles que um dia verão a glória de Deus. Aqueles que estão se preparando a cada dia para alcançar o prêmio eterno!  Aqueles que são diferentes, pois são marcados pelo sinal da fé.  E os 90% por cento, apesar de indiferentes, também nasceram com o dom da fé. Porém, só uma minoria soube cultivar essa fé, através da oração, da caridade e da Eucaristia. 


Meus irmãos. Vão e façam o mesmo!

Bom domingo, José Salviano. 






Nenhum comentário:

Postar um comentário